quarta-feira, abril 25, 2018

Esta noite sonhei que um condutor de tuk-tuk estava tentar cativar turistas para uma voltinha dizendo-lhes que oferecia uma reconstituição low cost da Revolução do 25 de Abril no seu chaimituk, com direito a um Salgueiro Maia de PVC que dizia “Fascismo nunca mais” quando se puxava um cordelinho nas costas, e um ramo de cravos que mudavam de cor consoante a humidade do ar.
Depois acordei com o barulho de um tuk-tuk a passar na rua.

Sem comentários: