domingo, março 26, 2017

Levaram-nos uma hora, sem ai nem ui.
E ainda há quem nos diga livres.

Sem comentários: