quinta-feira, fevereiro 16, 2017

Ponto G do Cinema em ponto de rebuçado

http://www.tsf.pt/programa/nao-e-mau/emissao/ponto-g-do-cinema-em-ponto-de-rebucado-5666521.html
(...) para cada "La-La-Land" com cantorias, há toda uma panóplia de pérolas da pornografia que, à mercê do preconceito e de um profundo desconhecimento do que é o Cinema com "C" grande, acabam por perder-se aos olhos do grande público. (...) Atentemos na extensa filmografia desta última [Tori Black] . No clássico moderno "Panty Pops 3", Tori Black rege-se pela batuta do realizador Kevin Moore. E foi pela cartilha deste Antonioni do hardcore de primeiro escalão, mestre de provas dadas em ópus magnus do calibre de "Anal Corruption", Big Tit Centerfolds 2" e "Spandex Loads 5", que Tori Black desabrochou (...) Na dialéctica simbiótica estabelecida entre Black e Moore, ecoam resquícios do binómio Howard Hawks / Lauren Bacall, no justamente celebrado "The Big Sleep". Nunca o olhar etéreo mas penetrante de Bacall foi captado com mais rigor pragmático do que quando filmado pela lente de Hawks. E não é dispisciendo afirmar que Tori Black deve muito do seu sucesso à sensível mise-en-scéne de Moore, arquitecto das cenas de reverse cowgirl no revolucionário "Interracial Fantasies" (...) Há relações que duram para sempre, assim é a natureza do cinema.
Ouçam aqui.

Sem comentários: