terça-feira, janeiro 10, 2017

Urge o agradecimento público à Sábado e à Dinheiro Vivo por terem, com a notícia falsa de que Trump teria sido banido do Twitter, devolvido a esperança a todos aqueles que querem fazer carreira sem verificar fontes, fazendo não mais do que propagar disparates que lhes aparecem à frente nas redes sociais. Não é jornalismo, é o avesso disso, mas é enternecedor. A credibilidade, essa, já não a resgatam.

Sem comentários: