quinta-feira, novembro 13, 2014

"Olha que se não comes a papa, a mamã chama o marido da ministra das Finanças."

Sem comentários: