terça-feira, novembro 25, 2014

A conclusão é simples. Não é Sócrates que está preso. Somos todos, presos a este estado das coisas.

Sem comentários: