sexta-feira, janeiro 24, 2014

Irritante ouvir dizer "ah, eu já fui praxado e não foi nada disto, foi uma coisa gira e tudo". Malta, o mundo não orbita em torno das vossas experiências pessoais, para cada "praxe gira" há pelo menos uma que aposta na mesma merdice prepotente, que é errada, que origina vítimas. E o problema é esse, é disso que se está a falar, ninguém aqui quer saber se se apaixonaram pelo vosso padrinho da praxe enquanto ele vos açoitava as nalgas com uma colher de pau.

Sem comentários: