sexta-feira, setembro 04, 2015

MOTELx - Histórias de Terror

Vem aí o MOTELx e no dia 10 vai ser lançada uma antologia de contos de terror. Ao lado de contos de veneráveis nomes, ilustrados por igualmente veneráveis artistas, figura um meu, de seu título "Os que nunca esquecemos" - diz quem leu que é bem capaz de ser a coisa mais perturbante que alguma vez escrevi. Isto dito por gente que nunca leu as minhas declarações às Finanças. Dia 10, esperamos por vós. E toca a ir ao MOTELx que, para não variar, tem um belíssimo e arrepiante cartaz.






















(click para aumentar)

quinta-feira, setembro 03, 2015

Playback Pechisbeque

21 Agosto 2015 - 22h30 - Bar do Teatro A Barraca

terça-feira, setembro 01, 2015

Lâmina: 25 minutos da nossa actuação no Reverence Valada

Tenho o teclado sujo porque em tempo de guerra não se limpam armas.

segunda-feira, agosto 31, 2015

Lâmina @ Reverence

Noite absolutamente incrível. Obrigado ao Reverence Valada, organização, todos os técnicos e envolvidos. Um festival único, num dos lugares mais belos de Portugal. Vénia ao público fantástico que encheu o recinto do palco praia para se juntar a nós na celebração psicadélica. Até breve.

RIP Wes Craven.
Os Cebola Mol agradecem.


RIP Wes Craven

Obrigado.

sábado, agosto 22, 2015

29.


95.

Ray Bradbury

Ilustração de Franco Clun

A Favola, ontem.

Concertão! Obrigado a todos!

Foto: Joana Azevedo com duas demãos de #filtralhadadagrossa aplicadas pela minha pessoa.

Lâmina no SonicBlast Moledo

Faz hoje uma semana que lá tocámos. Belíssimo festival, óptimo ambiente, público cinco estrelas, grandes bandas com quem muito nos orgulha ter partilhado cartaz. O concerto que demos perdurará nas nossas memórias pelas melhores razões. Obrigado à organização pelo convite e parabéns por mais uma excelente edição. E obrigado a quem esteve presente no nosso concerto, nem a chuva os demoveu. Tudo conspirou para fazer especial esta nossa estreia em festivais.

quinta-feira, agosto 20, 2015

quarta-feira, agosto 19, 2015

Hoje, a propósito de um conto de horror que escrevi para uma antologia a publicar em breve, disseram-me que tenho o diabo dentro de mim, como se fosse novidade.






















(click para aumentar)

RIP Yvonne Craig
Batgirl forever ♥

segunda-feira, agosto 10, 2015

Levar o quê a sério?

A diferença entre as fotos do "sunset" com frases inspiracionais e algumas campanhas publicitárias é o logotipo da marca lá espetado. Portanto, "levar a amizade a sério" é beber cerveja. Foda-se mais estas campanhas publicitárias. Também há quecas que só acontecem depois de quatro ou cinco whiskies, porque é que ninguém fala disso?
Tretas pseudo-inspiracionais metidas a martelo. Agora, qualquer campanha manhosa a álcool ou telecomunicações vai beber ao Paulo Coelho.
Mas não é só nessas áreas que estas tretas alastram. Numa altura em que grassam o desemprego jovem e os estágios não-remunerados, e receber um pouco mais do que o salário mínimo é um privilégio, a coisa do "vais mudar o mundo" soa vazia e oportunista.
"Diacho, Filipe, porque és tão negativo?" Negativo, o cacete. Não me deixo é endrominar por folk épica e modelos em fato de banho a "celebrarem a juventude". Andam a tentar convencer o pessoal de que "basta querer para ter sucesso". Uma variante do mito do empreendedorismo.

E depois, temos os refrigerantes. Do lado nacional, aquela campanha do optimismo extremo. Do "sermos barrados também quer dizer a noite não acaba aqui". Tipo: "estarmos desempregados também quer dizer oportunidade para começar um negócio próprio". E do lado internacional, aquela coisa do "a aparência não importa, é o que as pessoas são que verdadeiramente interessa". Mas desde quando é que as marcas são arautos de um modelo exemplar de comportamento? Vamos ter multinacionais a dizer-nos como é que devemos comportar-nos? A servir-nos de consciência? Poderão dizer: então mas se não temos modelos na política, na economia, na religião, onde é que vamos buscar referências? Sinceramente, não me parece que seja este o caminho. Se atribuirmos esse papel às multinacionais, não estaremos a minimizar o papel da educação, da formação, do verdadeiro humanismo? Então e os livros? A arte? É a campanha de uma marca de bebida com bolhinhas que me vai ensinar a ser melhor pessoa? Ao beber a bebida com bolhinhas, estou a ser mais sensível aos problemas do mundo? Poupem-me, que daqui a bocado estou a precisar de emborcar meia dúzia de cervejas para esquecer que está tudo maluco.

sexta-feira, agosto 07, 2015

#JonVoyage

sexta-feira, julho 31, 2015

quinta-feira, julho 23, 2015

Hoje. 22h30. Galhofa rija.


Aí está:

o DVD com o fantástico ROUBO DE IDENTIDADE do Luís Franco-Bastos, realizado por mim e pelo Luís Graciano. Orgulho em fazer parte disto. Props para a equipa que nos acompanhou: Diogo Borges, Manuel Loureiro, Nelson Ching da Cunha, Pierre Passos, Márcio Pité e Cristóvão Carvalho. Um abraço ao Vasco Duarte, pela música do genérico, também ao Afonso Ferreira da BridgeTown Talent Agency, e à malta da Sony pela edição. Não deixem escapar este espectáculo.

segunda-feira, julho 06, 2015

Oxi. Incha.

sábado, julho 04, 2015

Escrever o Silêncio

Hoje, 19h, Pensão Amor: conversa com José Eduardo Agualusa, Jaime Rocha e comigo, moderada pelo Nuno Costa Santos.

segunda-feira, junho 29, 2015

Há sempre tempo para mais nada

(click na imagem para aumentar)

Dia 7 de Julho, 21h30, no Teatro A Barraca, em Santos, Lisboa, vai ter lugar o lançamento do meu novo romance, HÁ SEMPRE TEMPO PARA MAIS NADA. O Nuno Miguel Guedes apresentará, a Maria Rueff e o Miguel Martins lerão excertos. E vocês estão convidados. Apareçam, vai ser uma bonita festa.

Épico

A noite de ontem no RCA CLUB teve tudo aquilo que me fez querer fazer parte de uma banda rock. Público, organização, equipa técnica, ambiente de backstage, as bandas, os concertos - foi tudo perfeito. Parabéns aos Dollar LLama pelo novo trabalho e um gigantesco obrigado pelo convite, foi absolutamente brutal ter feito parte desta noite. Grande orgulho em ter partilhado o palco convosco, com os My Master The Sun e The Quartet of Woah. Parabéns também ao Diogo Igrejas pela organização deste evento de peso. Não me canso de sublinhar o quão bom foi.
Um abraço também aos meus parceiros de LÂMINA, é cada vez melhor tocar convosco.
Venham mais noites assim, que é o que se deseja sempre de noites únicas como esta.

Foto: Paula Lourenço

sábado, junho 27, 2015

quinta-feira, maio 21, 2015

segunda-feira, maio 18, 2015

Hoje!

Taxistas UBER alles.

A conclusão a tirar é que um gajo que solte perdigotos ao falar está sujeito a uma carga policial.

O polícia que agrediu o adepto em Guimarães em frente ao filho diz que o adepto lhe cuspiu. Pois, e o velhote é capaz de lhe ter esfregado com o Lindor na cara.

Sabem quem é que anda a pedi-las? A malta do "eles estavam a pedi-las".

domingo, maio 17, 2015

Tanta gente a queixar-se da "praga dos festejos", mas a praga mesmo grave é a de dor de cotovelo. #Benfica #Campeão #34

quinta-feira, maio 14, 2015

Pois estamos.

Abro o Facebook e só vejo psicólogos, justiceiros, cronistas, linguistas, humoristas, poetas, gourmets, activistas, politólogos, cientistas, viajantes, enólogos, economistas, ambientalistas, teólogos, especialistas em cultura, moral e bons costumes. Com tanto talento, vontade e empenho, pasmo que o país esteja neste buraco.

quarta-feira, maio 13, 2015

A única coisa que me consola em relação às pitas agressoras da Figueira da Foz é saber que há uma barbearia em Lisboa onde elas nunca poderão entrar. Toma que já almoçaste.

Importa clarificar que "Insiram o Acordo Ortográfico no esfíncter" continua a escrever-se da mesma forma.

sexta-feira, maio 08, 2015

Passos: "Acham que a economia cresce se dermos dinheiro às pessoas."
E depois vem o iluminado do Rui Ramos dizer que não há humoristas de direita.

Sou uma fashion victim.

Dad Bod: a barriga (nos homens) está na moda

Esta foto prova que nem todos os humoristas são de esquerda.

Não me interessa se o Portas se demitiu por SMS, gostava era que se pudesse demiti-los a todos com um estalar de dedos.